Leituras recomendadas para Product Owners

Desde a criação do Agile Manifesto em 2001 e a consequente popularização dos métodos ágeis no início deste século que eu tenho como o maior ganho promovido pelo modelo a aproximação da área de negócio das empresas com  área de TI das mesmas. Essa aproximação se dá em grande parte à obrigatoriedade do papel do Product Owner dentro dos Times Scrum, sendo esse o framework ágil mais difundido no mundo.

No entanto, para que essa conexão produza bons frutos é necessário que o papel do Product Owner seja respeitado e que o mesmo possua as skills necessárias para tanto. Mas que skills seriam essas?

Um Product Owner geralmente é um especialista na sua área de negócio, mas não necessariamente um especialista em métodos ágeis. No entanto, diferente de um Scrum Master ou de um Agile Coach que devem respirar métodos ágeis no seu dia-a-dia, um Product Owner deve respirar concepção e desenvolvimento de produtos de maneira ágil, tema central das leituras que recomendarei neste artigo.

Clique nos títulos ou nas capas para ver o livro na Amazon.

A Startup Enxuta

Obra máxima de Eric Ries, A Startup Enxuta (Lean Startup no original) já foi motivo de resenha aqui no blog e dispensa apresentações. Conceitos como MVP (Minium Viable Product), Contabilidade para Inovação e o ciclo Build-Measure-Learn são obrigatórios no repertório de qualquer Product Owner.

Business Model Generation

Este fantástico livro de Alex Osterwalder (até a edição é excelente, já fiz resenha aqui no blog) introduz o famoso Business Model Canvas, estrutura o raciocínio sobre a ideação de modelos de negócio inovadores e nos traz diversos cases de modelo disruptivos que empresas famosas descobriram para se reinventar.

Value Proposition Design

Outra obra-prima de Alex Osterwalder, desta vez ele nos introduz ao Value Proposition Canvas, uma poderosa ferramenta que auxilia os Product Owners a fazer a conexão certa entre o que os clientes desejam e o que o seu produto realmente deve ser.

Sprint

Ao contrário do que o nome sugere, este não é um livro de Scrum, mas sim um livro sobre o método usado no Google para testar e aplicar novas ideias em apenas cinco dias. É muito interessante de ler e aplicar, tendo sido escrito por Jake Knapp em parceria com membros do Google Ventures.

Reinvente sua Empresa

ReWork no original de Jason Fried, este livro é a versão parruda e mais moderna do recomendadíssimo Caindo na Real, escrito pelos fundadores do Basecamp. Não apenas promove uma mudança cultural na cabeça de quem lê, ele dá aos Product Owners um passo-a-passo de como orientar a criação de aplicações ágeis e que realmente atendem as necessidades dos clientes com menos pessoas e menos software.

Direto ao Ponto

Paulo Caroli é um engenheiro de software e autor brasileiro que ficou famoso no mundo inteiro com a sua Lean Inception, um método de concepção de novos produtos muito alinhado aos conceitos do Lean Startup, permitindo que através dos métodos descritos em seu livro, empresas consigam definir os escopos de seus novos produtos em até uma semana de trabalho.

Scrum

O mais famoso livro sobre Scrum do mercado (ele aparece na minha lista de 6 livros recomendados para aprender agilidade), o “livro amarelo do Scrum” foi escrito por Jeff Sutherland, um dos criadores do Scrum e uma das figuras mais famosas em agilidade no mundo inteiro. Não é exatamente um livro que te ensina como dominar o framework, mas que te dá a base histórica e teórica do framework, seus princípios e como eles são aplicados em diversos contextos através de todo tipo de case. Essencialmente um livro sobre cultura ágil.

Running Lean

Infelizmente para quem não domina o idioma Inglês, nem todas as grandes obras possuem edição nacional e essa é uma delas. O excelente Running Lean do Ash Mauriya traz conceitos de outros livros como o Business Model Generation e o Lean Startup para outro nível, mais focado em produtos digitais e na realidade que os permeiam. Se eu pudesse resumir esse livro em uma frase seria: saia do escritório e vá falar com seus clientes.

The Four Steps to the Epiphany

Outra excelente obra sem tradução, esse livro de Steve Blank (um dos maiores investidores e mentores do Vale do Silício) é o avô do movimento Lean Startup, tendo sido Blank o professor do Eric Ries (autor do Lean Startup). Neste livro ele introduz conceitos como Customer Discovery e Customer Development, trazendo à tona questões como a busca pelo Product-Market Fit e tantos outros conceitos importantíssimos para todos profissionais responsáveis pela criação de produtos no século atual.

Esqueci algum livro que você gostaria de adicionar na lista? Me mande nos comentários!

Quer saber mais sobre desenvolvimento ágil de software? Clique no banner abaixo e conheça o meu livro.

O que achou desse artigo?
[Total: 1 Média: 5]

Publicado por

Luiz Duarte

Pós-graduado em computação, professor, empreendedor, blogueiro, autor, palestrante e programador.